OS MELHORES RESTAURANTES VEGANOS DE LOS ANGELES

por | mar 19, 2018 | Estados Unidos, Estilo de Vida

Separei 10 restaurantes veganos deliciosos que você não pode deixar de conhecer se estiver passeando por Los Angeles!

THE BUTCHER’S DAUGHTER

The Butcher’s Daughter (A Filha do Açougueiro) é um restaurante plant-based localizado em Venice Beach. O lugar é MUITO lindo e parece um “matadouro de vegetais”, com várias plantas penduradas em ganchos no teto. Todos os pratos são vegetarianos, sendo a maior parte vegana e livre de glúten, também fazem substituições e adaptam o cardápio para pessoas com restrições. Eles servem café da manhã, almoço, jantar e brunch aos finais de semana. Nós pedimos uma salada de kale (couve americana), com cebola crocante e avocado e um burrito de feijão com “bacon” vegetal. Estava DELICIOSO demais. O lugar não é barato, mas também não é ridículo de caro, vale a pena conhecer. A conta deu aproximadamente 15 dólares por pessoa e as porções são bem servidas.

FALA BAR

Ainda em Venice Beach, bem em frente ao The Butcher’s Daughter, tem uma opção mais barata e descontraída, o Fala Bar. O estabelecimento serve diversas opções de faláfel – bolinho típico da culinária árabe feito de grão de bico. Tem quebab, sanduíche, hambúrguer e salada, tudo acompanhado de faláfel. Todas as opções são orgânicas e o lugar não possui mesas e cadeiras, então pegue e aproveite para comer enquanto anda pelas ruas descoladas de Venice.

PLANT FOOD + WINE

Na mesma rua do The Butcher’s Daughter e do Fala Bar, encontramos o PFW (Plant Food + Wine). Como vocês podem perceber essa é uma das ruas mais legais de Los Angeles (Abbot Kinney Blvd) – com vários restaurantes, cafés e lojas descoladas. O PFW oferece uma seleção de pratos locais em um menu sazonal, além de uma extensa carta de vinhos orgânicos e biodinâmicos. O lugar é muito lindo, mas como nós tínhamos uma lista enorme de restaurante para conhecer e já tínhamos almoçado, aproveitamos para comer uma sobremesa e conhecer o restaurante. Pedimos um bolo de chocolate com tahine, creme de coco e um crocante de pistache. Estava APENAS genial!

GRACIAS MADRE

O Gracias Madre serve pratos inspirado na cozinha do México, mas com ingredientes orgânicos cultivados localmente. O restaurante inteiro é vegano e o lugar é muito lindo. Nós fomos jantar e estava um pouco escuro lá dentro, então não tirei foto dos pratos. Comemos nachos, tacos, uma empanada de batata doce e várias sobremesas (ponto alto). As sobremesas eram DELICIOSAS, essa da foto é um Fudge Brownie e estava muito bom, mas eu também recomendo que vocês experimentem o Flan con Cafe. O restaurante fica na Melrose Place, em West Hollywood.

VEGGIE GRILL

O Veggie Grill é uma rede 100% vegana de fast food, com mais de 10 unidades em Los Angeles. O lugar serve bowls, sanduíches e hambúrgueres (inclusive o Beyond Burger). Eu comi duas vezes lá durante a semana que eu estava em L.A – na primeira pedi um bowl indiano com verduras, quinoa, kale e chapati e na segunda pedi um bowl rústico com arroz, feijão, tofu, cogumelo e purê de brócolis. A comida é bem baratinha e super saborosa, vale a pena experimentar!

THE REAL FOOD DAILY

O Real Food Daily é um dos principais restaurantes do sul da Califórnia que é orgânico e à base de plantas e serve um menu de qualidade, autêntico, criativo e nutricionalmente equilibrado. Existem três unidades em Los Angeles e uma delas fica dentro do aeroporto LAX (sonho da vida restaurante vegano no aeroporto). Eu pedi um sanduíche chamado The Club (crispy de seitan, bacon de tempeh, queijo gouda vegano, chopotle, avocado e tomate) e de sobremesa comi um double layered chocolate fudge cake. Também experimentei um bowl de brownie com sorvete, maravilhoso!

M CAFÉ

O M Café é pioneiro da culinária contemporânea macrobiótica. Esse modo de comer e viver focado na planta enfatiza o equilíbrio, a alegria e celebra a saúde do corpo, da mente e do planeta. O primeiro M Café abriu na Melrose Place há mais de uma década, quando a alimentação baseada em plantas ainda estava começando a se tornar tendência. Eu pedi um bowl de arroz, tempeh (soja fermentada) grelhado, brócolis e avocado. Lugar gostoso para almoçar ou fazer um lanchinho de tarde.

RAMEN HOOD

Ramen Hood é um restaurante de ramens 100% vegano, localizado no histórico Grand Central Market, em Downtown. O caldo é feito com cogumelos, sementes de girassol e missô branco, depois isso é misturado com algas e cogumelos e pressionado para liberar os óleos naturais e os amigos das sementes. O resultado é um caldo feito à base de plantas super cremoso e nutritivo. O “ovo” é completamente vegano, feito em duas partes. O “branco” do ovo é feito com leite de soja não transgênico, temperado com sal, pimenta e gelificado com ágar ágar (um extrato de algas marinhas). A “gema” é uma combinação de levedura nutricional, sal das costas e alginato de sódio. O resultado é muito parecido e super saboroso, vale a pena conhecer. Sem contar que o bowl é super bem servido e custa apenas 10 dólares!

CROSSROADS

Por último, mas não menos importante, o famoso Crossroads! O restaurante abriu em março de 2013 na esquina da Melrose com a Sweetzer. A decoração e a iluminação são sofisticadas e o menu é super elaborado, a maior parte dos clientes nem sequer percebe que se trata de um restaurante vegano. Veganos, vegetarianos, reducitarianos e carnívoros frequentam o restaurante e todos ficam satisfeitos com o que encontram. É fácil encontrar pessoas famosas comendo por lá, nós mesmo almoçamos ao lado do Alan Tudyk!

Eu fui duas vezes, uma no jantar e outra no almoço. Da primeira vez nós pedimos vários pratos e dividimos todos, já vou avisando que as porções são minúsculas e cada pessoa precisa de PELO menos 3 pratos para sair satisfeita. O valor também é um pouco elevado, mas vale a experiência, eu prometo! Nós pedimos Fettucini Carbonara (20 dólares), “Bife” à Parmeggiana (22 dólares), Bolo de Carangueijo (16 dólares), Cogumelos Grelhados (16 dólares) e um Ravioli de cogumelos (20 dólares). Foi o restaurante mais caro que fomos, mas eu recomendo muito, os sabores eram incríveis e as texturas inacreditáveis! Vou deixar o cardápio deles linkado aqui para quem quisar dar uma olhada.

IMPOSSIBLE BURGER

O Impossible Burger é um hambúrguer 100% vegetal desenvolvido por cientistas, agricultores e chefs. Juntos eles identificaram métodos e ingredientes para recriar a textura e o sabor de um hambúrguer de carne. Como eles mesmo dizem, eles usam 0% de vacas, então não utilizam tantos recursos naturais – 95% a menos de terra, 74% a menos de água e 87% menos emissões de gases de efeito estufa.

O hambúrguer é feito de ingredientes simples e naturais, como trigo, óleo de coco e batatas. O que faz o Impossible Burger diferente de todos os outros hambúrgueres vegetais é um ingrediente chamado heme. Heme é um elemento vegetal que é abundante nas carnes, mas também é encontrado em diversas plantas. O que eles fizeram foi “isolar” esse ingrediente para colocar na receita, fazendo com que o hambúrguer cheire, sangre e possua o mesmo sabor “terroso” da carne!

O lanche completo custou 14 dólares e eu recomendo que todos experimentem, mesmo quem não é vegetariano. O Impossible já pode ser encontrado em mais de 770 restaurantes pelos Estados Unidos, a maioria dos quais nem são vegetarianos. O objetivo deles é fazer com que as pessoas que gostam de carne diminuam o seu consumo. Eu experimentei e fiquei até um pouco assustada, é MUITO parecido. Era tão parecido que eu saí de lá enjoada, como se eu tivesse feito algo muito errado. hahaha

Espero que vocês tenham gostado! Eu amei comer tudo isso, só para poder contar para vocês. 🙂

Compartilhem com os amigos para incentivar e ajudar o blog a crescer!

Renata é a criadora do blog, tem 26 anos e mora em Curitiba. É formada em Publicidade e Propaganda e pós-graduada em Marketing Digital, já estudou moda e é apaixonada por viagens e vida saudável. Tenta sair sempre da zona de conforto e das rotas turísticas, o objetivo é explorar cada cultura e dar dicas legais para pessoas que se identificam. Criou o blog com o objetivo de inspirar as pessoas, compartilhando fotografias lindas, dividindo seus hábitos e dando dicas de lugares que precisam ser conhecidos.

Relacionados

Comments

comments