Lapinha Spa, equilíbrio do corpo e da mente

por | jul 4, 2016 | Estilo de Vida, Hotéis pelo mundo

Oi, gente! Tudo bem com vocês? Quem já me acompanha no Snap (feedyoursoulbr) e no Insta viu que eu passei 5 dias relaxando e me cuidando na Lapinha!

Ainda não me segue no insta? Vou deixar aqui o link para vocês, conteúdo diário com muitas dicas e inspirações!

 PROJETO BEM ESTAR

Vou contar para vocês o motivo de eu ter ido passar um tempo no spa e como foi a minha estadia! O Feed Your Soul é um blog totalmente focado em experiências, eu amo viajar e gosto de me cuidar muito entre uma viagem e outra. Parei de comer carne faz alguns meses, então estou estudando e aprendendo bastante com esse novo estilo de vida. Pensando nisso, eu criei a categoria bem-estar, juntando a minha vontade de me cuidar com a de de conhecer lugares novos, sempre buscando o equilíbrio. O objetivo é conhecer e mostrar os melhores lugares para pessoas que também gostam de se alimentar de forma saudável durante uma viagem: hotéis ou spas que incentivem o nosso estilo de vida e que tenham opções no cardápio para quem possui restrições.

LAPINHA SPA

Lapinha-Spa-(44)

A Lapinha é o primeiro Spa Médico do Brasil e é considerado um dos melhores do mundo. Foi fundado pela brasileira descendente de alemães, Dona Margarida Bornschein Langer. Na década de 50 ela precisou fazer uma visita médica na Suíça e se curou de uma doença por meio de uma terapia naturista. Quando voltou, decidiu criar um espaço onde as pessoas pudessem combater doenças apenas com a força da natureza e adquirir hábitos saudáveis de vida, então em 1972 nasceu a Lapinha.

A filosofia do lugar combina MUITO com a do blog, eles acreditam que não adianta só alimentar o corpo da forma correta. Para ter saúde plena também precisamos alimentar a nossa alma. Corpo e mente devem estar saudáveis e em harmonia.

COMO FUNCIONA

Assim que eu cheguei fui recebida com um almoço delicioso. Logo depois do almoço já marcaram minha consulta médica. A primeira coisa que deve ser feita é essa consulta, antes de qualquer atividade, assim você e o médico definem juntos como vai ser a sua dieta e o seu plano de exercícios durante a semana. No primeiro dia você também agenda todas as massagens, tratamentos estéticos, consultas com fisioterapeuta e nutricionista, que faz um plano alimentar para você seguir no pós Lapinha. Quando você chega eles já te entregam uma agenda com todas as atividades da semana, assim você consegue fazer sua programação de acordo com os seus agendamentos. Por exemplo: no primeiro dia eu fui para a hidro, fiz massagem, almocei, fui para o treino funcional, fiquei relaxando até a hora do jantar e depois assisti uma palestra sobre nutrição. Quem decide quais atividades fazer é você, de acordo com os seus objetivos e horários.

MINHA DIETA

Decidimos que eu iria seguir o cardápio tradicional da Lapinha, de 1800 calorias diárias, isento de glúten e de lactose (por causa da minha asma). O spa é ovo-lacto-vegetariano, então a carne está ausente em qualquer um dos cardápios. Todos os ovos, lácteos e verduras são produzidos lá mesmo, na horta orgânica e no centro de produção.

Vou colocar alguns exemplos das refeições que fiz por lá para vocês se inspirarem e terem ideias de combinações nutritivas. Não sou a favor de passar fome e eu como bastante na “vida real”, então segui a dieta com o maior número de calorias possíveis.

  • CAFÉ DA MANHÃ (8H00)

Eu sempre recebia uma variação de pão sem glúten, uma tigela de frutas com oleaginosas, suco natural, geleia ou mel e uma pastinha proteica (tofu, tahine, grão de bico). Eu AMO essas pastinhas, sempre faço em casa. A estrutura era a mesma todos os dias, mas os ingredientes variavam bastante e era tudo super gostoso! Aquele chazinho ali do lado é digestivo e é servido antes de TODAS as refeições.

Lapinha-Spa-(56)

  • ALMOÇO (12H00)

Começamos sempre com um shot daquele chá digestivo, seguido por uma fruta (para liberar a glicose antes e saciar a fome mais rápido), uma salada bem grande e nutritiva, um prato quente e uma sobremesa para terminar. Eles explicam que esse formato de menu degustação é ótimo para a saciedade, no final da refeição não sentimos compulsão e vontade de continuar comendo igual sentimos em casa (eu pelo menos sinto). A comida era bem farta e deliciosa, preparada com muito capricho!

Uvas para começar.

Alface, radicchio, escarola, abacaxi, berinjela assada, tomate, ervilha, granola salgada.

Nhoque de amêndoas ao molho sugo com erva-doce, creme de milho, espinafre cítrico.

Lapinha-Spa-(49)

  • LANCHE DA TARDE (15H30)

Todas as tardes eles servem frutas no lanche, se você tiver algum problema com isso você pode solicitar outra opção. Por exemplo: um homem que estava lá queria lanchar batata doce, porque era o horário que ele iria treinar. Tudo é bem adaptável, eu que decidi seguir a dieta que eles recomendaram, mas se você ficar com fome ou quiser trocar alguma opção é só avisar, sempre tem uma nutricionista disposta a ajudar e a fazer substituições.

Lapinha-Spa-(25)

  • JANTAR (18H00)

Os meus jantares eram SUPER fartos. O único horário que eu sentia falta de comida era de tarde, porque eu estou habituada a comer bastante no lanche, mas quando chegava o jantar eu matava a fome e ficava satisfeita até a hora de dormir! Algumas pessoas só jantavam uma sopinha, o meu era mais completo. Sempre vinha alguma variação de pão sem glúten, algo para passar no pão, azeite, sopa e ainda um prato quente por último.

Lapinha-Spa-(37)

Só comida saudável e orgânica, não tem como não se sentir melhor! Os líquidos também são essenciais nesse processo, apesar de não estarem presentes durante algumas refeições. Chás, água alcalina e água saborizada com limão são liberados o dia inteiro. Cada chá possui uma função, dependendo do horário e da atividade do momento.

Lapinha-Spa-(61)

Lapinha-Spa-(8)

ESTRUTURA

A Lapinha é formada por três casas principais, essa da foto é onde fica a recepção, os quartos e o restaurante. Tudo é muito quentinho e aconchegante, com uma decoração caseira e acolhedora.

Lapinha-Spa-(45)

Lapinha-Spa-(63)

Lapinha-Spa-(60)

Essa lareira ficava na recepção e foi uma das minhas melhores companheiras. Estava bem frio na semana em que eu fui, então era uma delícia pegar um chá, um livro e ficar relaxando!

Lapinha-Spa-(59)

Eu fiquei no quarto single, era no terceiro andar e tinha uma vista linda. A decoração era bem clean, tudo branquinho e com madeira clara. O espaço era compacto, mas ideal, ainda tinha um escritório do lado e uma sacadinha com vista para a natureza!

Lapinha-Spa-(57)

Lapinha-Spa-(53)

Essa casa da fotografia é onde fica a piscina interna, a sauna, sala de ginástica (onde tinha aula de dança, pilates, etc) e a loja da Lapinha (com tudo que pudesse precisar).

Lapinha-Spa-(35)

Lapinha-Spa-(7)

Na parte de fora, em frente à essa casa, fica a piscina e a academia. Sinceramente, para mim, o lugar mais bonito de todos. Fizemos alguns treinos funcionais na parte de fora e dava até um ânimo de fazer exercícios com essa vista. A piscina era enorme e tinha até correnteza, como estava frio eu não pude aproveitar, mas voltei todos os dias para apreciar a paisagem e tentar fazer umas fotos bonitas. No último dia o tempo abriu e eu peguei um pôr do sol maravilhoso.

Lapinha-Spa-(75)

Lapinha-Spa-(77)

Lapinha-Spa-(80)

Lapinha-Spa-(76)

Lapinha-Spa-(81)

Lapinha-Spa-(82)

Lapinha-Spa-(83)

Lapinha-Spa-(54)

Lapinha-Spa-(1)

Na terceira casa é onde ficam os consultórios, salas de massagens, tratamentos estéticos e uma área super gostosa para relaxar. As espreguiçadeiras com cobertores serviam para as pessoas descansarem e aguardarem pelos tratamentos ou consultas. Eu tirei umas boas sonecas nessa sala.

Lapinha-Spa-(36)

Lapinha-Spa-(58)

Lapinha-Spa-(14)

Lapinha-Spa-(34)

Fora toda essa estrutura interna, ainda tem muita beleza lá fora. Fui dar uma volta e andar até o lago, passei pela horta e pelo pomar, mas ainda não consegui conhecer tudo!

Lapinha-Spa-(69)

Lapinha-Spa-(65)

Lapinha-Spa-(74)

Olha que galinha mais fofa, ela pode andar livremente pela Lapinha, sabendo que não vai ser comida! Eu até tentei fazer uma amizade, sou do time delas agora (não sou galinha, sou vegetariana).

Lapinha-Spa-(66)

Lapinha-Spa-(70)

Lapinha-Spa-Lago

Todos os dias pela manhã tinha uma caminhada longa na programação, como choveu nos primeiros dias, só pude fazer uma vez. Acordei às 5:30, coloquei uma roupa bem quentinha e confortável e desci para encontrar todo mundo. Uma fruta fica disponível na recepção para ninguém sair em jejum. Ainda estava escuro quando começamos, mas aos poucos o tempo foi abrindo e a paisagem foi ficando linda!

Lapinha-Spa-(38)

Lapinha-Spa-(39)

Lapinha-Spa-(41)

MEUS RESULTADOS

Cuidar da saúde, comer bem e fazer exercícios no meio de uma fazenda de 550 hectares não faz mal a ninguém, né? Só o lugar em si já inspira qualquer pessoa, a paisagem é maravilhosa, com muito ar puro, água potável e solo livre de qualquer pesticida ou adubo químico. Os proprietários viajaram pelos melhores spas do mundo ( Alemanha, Suíça, Áustria, Suíça e Índia) para pesquisar e manter a excelência do serviço e do atendimento. E conseguiram.

No dia de ir embora é que descobrimos os resultados. Bem cedinho em jejum os hóspedes fazem uma bioimpedância, tiram as medidas e fazem a pesagem. Acho IMPOSSÍVEL alguém sair de lá sem perder pelo menos um pouco de peso (mesmo que esse não seja seu principal objetivo), claro que é um processo lento e deve ser contínuo, mas pensem comigo: eu já me alimento super bem em Curitiba, já faço exercícios diariamente, tenho hábitos saudáveis, não fui para emagrecer e comi o cardápio mais calórico disponível. MESMO assim eu perdi medidas.

Agora IMAGINEM alguém com hábitos horríveis na vida real, que come tudo errado e é sedentário. Essa pessoa chega lá e leva um choque, só se alimenta com orgânicos e comida de qualidade, junto com a prática de exercícios, não tem como não melhorar a vida!

Eu tinha um estereótipo relacionado aos Spas, imaginava só pessoas com sobrepeso sofrendo e tentando emagrecer. Eu estava completamente errada, Spa é lugar de prazer, não de sofrimento. Conheci pessoas de todos os tipos: casais de férias, mãe e filha viajando juntas, pessoas voltando pela 13º vez, modelos se cuidando, pessoas apenas querendo relaxar e, claro, pessoas querendo perder peso.

Vi que na Lapinha, eles prezam pela qualidade de vida, não querem só ver resultados estéticos, querem pessoas leves e bem consigo mesmas, renovadas! Independentemente dos objetivos de cada um, tudo é feito com acompanhamento de médicos, nutricionistas, fisioterapeutas e professores de educação física. O principal objetivo de uma dieta balanceada deve ser a saúde, um corpo legal é consequência!

Saí de lá com vários hábitos novos, conhecimento teórico das palestras que assisti e com muita garra para continuar sendo vegetariana. Tirei todas as minhas dúvidas com os profissionais e recebi todas as informações que precisava para ter certeza de que uma pessoa consegue ser 100% saudável e adquirir todos os nutrientes sem consumir proteína animal. Fui embora feliz e com um plano nutricional SUPER completo e vegetariano para eu seguir no pós Lapinha, com várias opções e MUITAS receitas.

Espero que vocês tenham gostado e que um dia tenham a oportunidade de ir conhecer esse lugar incrível, vale cada centavo e cada tempo investido! Amei e voltaria todos os anos, igual a maior parte dos hóspedes faz. <3

Beijos!!Salvar

Salvar

Renata é a criadora do blog, tem 27 anos e mora em Curitiba. É formada em Publicidade e Propaganda, pós-graduada em Marketing Digital e gosta de escrever sobre viagens, estilo de vida e veganismo . Tenta sair sempre da zona de conforto e das rotas turísticas, o objetivo é explorar cada cultura e dar dicas legais para pessoas que se identificam. Criou o blog com o objetivo de inspirar as pessoas, compartilhando fotografias lindas, dividindo seus hábitos e dando dicas de lugares que precisam ser conhecidos.

Relacionados

Comments

comments